O navegador Opera anunciou uma atualização beta para seus usuários do sistema Android que visa facilitar a vida de quem utiliza criptomoedas.

A nova atualização permitirá transações de BTC e Tron (tokens TRX e TRC10), além dos tokens Ethereum e ERC, que já eram suportados pelo navegador. A notícia foi divulgada por meio de um post no blog oficial do navegador e por meio do Twitter oficial, como foi noticiado pelo site AMB Crypto.

“Temos notícias: começamos a testar o suporte do Tronfoundation e do Bitcoin na versão beta do navegador Opera para Android.”

Enquanto a empresa detalhava a última versão do seu navegador Android, eles destacaram que isso marcou um passo adiante para tornar a “Web 3” mais popular e argumentou que esse deveria ser o novo padrão para todos os navegadores.

A mais recente atualização da carteira de criptomoedas embutida no Opera será disponibilizada para mais de 183 milhões de usuários móveis, e especula-se que isso pode influenciar na adoção de criptomoedas.

Desde o seu lançamento em dezembro de 2018, a crescente participação da carteira do Opera no mercado pode ser atribuída à sua interface de usuário, que não requer extensões de navegador de terceiros ou aplicativos de carteira.

A iniciativa de criptomoeda do Opera impactou tremendamente as ações do navegador, impulsionada principalmente por mercados em crescimento como a China e a Índia.

De acordo com o post oficial no blog da companhia:

“A decisão de adicionar duas blockchains principais à nossa plataforma marca mais um passo em nossa estratégia para tornar a Web 3 mais inclusiva e fácil de usar para pessoas em todo o mundo.

Para usar a integração atual do Bitcoin e do TRON, baixe o beta do navegador Opera no Google Play. A Carteira de criptomoedas é suportada apenas em dispositivos com Android 6.0 ou superior. ”

O navegador também oferece suporte a serviços embutidos de privacidade e VPN, o que também ajudará os usuários de países com restrição a acessar facilmente o ecossistema das criptomoedas.

Fonte : Guia do Bitcoin

Categorias: Notícias

0 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *